Cidade

Caçapava deve Decretar Situação de Emergência devido às chuvas

14/01/2019 15:52
 

Foto: Divulgação/Defesa Civil

A assessoria de imprensa da Prefeitura informou que as equipes da Defesa Civil, Assistência Social e Obras se reuniram com o prefeito Giovani Amestoy na primeira hora desta segunda-feira (14) para avaliar a situação do município após a forte chuva que atingiu Caçapava do Sul na noite deste domingo (13).

Foram registrados mais de 65 milímetros em menos de duas horas na noite de ontem (13), de acordo com o pluviômetro da Cooperativa Tritícola Caçapavana (Cotrisul). A forte chuva causou estragos em diversas residências. Um dos fatores que também contribuiu para os alagamentos foi o problema em parte da tubulação da cidade.

Conforme a Prefeitura, no ano passado foi cadastrado um projeto de R$ 3 milhões para a construção da canalização da rede de esgoto do Passinho da Aldeia e Estação de Tratamento de Esgoto, obra que deve resolver os problemas de alagues, que ocorrem há mais de 20 anos na localidade. O município aguarda a liberação do recurso, por parte do Governo Federal para dar início à licitação da Obra.

A Assistência Social, localizada na rua General Osório, nº 1050 (ao lado do Coeducar), informou que está com uma Sala de Atendimento Emergencial às vítimas dos alagues. As famílias que tiveram suas casas invadidas pelas águas e precisam de doação de alimentos, roupas, lona, entre outros, podem procurar a Assistência.

Quem quiser ajudar as pessoas que sofreram danos com as chuvas pode doar roupas, alimentos, produtos de limpeza, colchões, cobertores, utensílios domésticos no mesmo local da Sala de Atendimento Especial. Mais informações pelo telefone da Secretaria (55) 3281-4080.

Em casos de extrema urgência, o morador pode informar a Secretaria ou solicitar socorro pelo telefone (55) 3281-4088 ou ainda pelos telefones da Defesa Civil (55) 3281-2420 ou do Corpo de Bombeiros (55) 3281-5144.

A Prefeitura também informou que está recebendo os móveis doados no Ginásio de Esportes Melão. Comunicou que vai ajudar a recolher os móveis das casas alagadas para o Ginásio para auxiliar na limpeza e restauro.

Farrapo