Região

Cachoeira do Sul não vai recorrer da bandeira vermelha

11/07/2020 10:37
 

Foto: HCB de Cachoeira do Sul - Ocorreio.com.br

O Governo do Estado divulgou no fim da tarde dessa sexta-feira (10), a atualização provisória do modelo de Distanciamento Controlado. Pela primeira vez, Cachoeira do Sul entra na classificação de bandeira vermelha, ou seja, risco alto na pandemia de Covid-19.

No entanto, em entrevista para a redação do Portal O Correio, de Cachoeira do Sul, o secretário municipal da Saúde, Roger Gomes da Rosa, explica que não haverá recurso. “Estamos na lista de reclassificação automática, da regra 0-0, vamos ficar na bandeira vermelha, mas seguindo o regramento da bandeira laranja por não ter nenhum óbito e nenhuma internação na UTI COVID nos últimos 14 dias”, detalha o secretário. “E por mantermos o sistema do estado em constante alimentação”, completa.

Ainda de acordo com o Secretário, Caçapava do Sul, Encruzilhada do Sul, Segredo e Sobradinho terão que cumprir a regra de bandeira vermelha. “Pois eles não se enquadram nos três critérios”, comenta.

" Nos últimos 14 dias os pacientes internados na UTI do HCB são de municípios da região e de outros municípios que não fazem parte da regional Cachoeira", finalizou.

 

 

Fonte: O Correio



Topo